top of page
Buscar

Mentoring ou Coaching?

#Mentoring e #Coaching são frequentemente usados em empresas. Você sabe a diferença entre eles?




Apesar de ambos terem como objetivo aprimorar habilidades técnicas ou comportamentais, a forma com o fazem é bastante distinta. Por isso, entender um pouco mais sobre eles pode ajudar a escolher e otimizar o investimento mais adequado para seu momento.


No mentoring uma pessoa mais experiente em áreas específicas de conhecimento (mentor/a) oferece aconselhamento e orientação para apoiar o/a mentee (mentorado/a) a alcançar seus objetivos. Aqui, "o tempo de estrada" conta muito já que o/a mentor/a ajuda na identificação de desafios e soluções práticas em situações por vezes similares às que já vivenciou. Portanto, não é incomum que mentores usem metodologias próprias, provenientes de sua vivência, apesar de existirem órgãos de certificação nacionais e internacionais.


Já o/a coach não é necessariamente alguém mais experiente, mas que tem maturidade, habilidade e sensibilidade para conduzir o/a coachee a identificar suas próprias respostas. O processo é em geral feito com perguntas que são instigantes e poderosas ao estimular pensamento crítico por parte do coachee para que tenha suas próprias conclusões e insights. Ao longo do processo, a depender do objetivo, pode-se fazer uso de ferramentas de assessment (como preferências de perfil, feedbacks 360 entre outros), identificar e apreciar seus pontos fortes, identificar e trabalhar áreas de melhoria, sempre com planos de ação e oportunidades de desenvolvimento claras. Existem órgãos certificadores nacionais e internacionais que apoiam o/a coach a aprimorar sua metodologia, reunir bases conceituais sólidas e ter experiência prática na condução de sessões.


O número de sessões varia a depender do prestador, do cliente e do próprio objetivo do mentoring ou coaching, mas em geral até 8 sessões são suficientes. Afinal, este trabalho deve prover autonomia ao cliente através de seu desenvolvimento e nunca uma dependência pelo prestador.


Ao buscar ajuda profissional para prestar estes serviços, comece entendendo qual apoio faz sentido ao seu objetivo de desenvolvimento: mentoria ou coaching? Além disso, ao levantar nomes, pesquise sobre o/a mentor/a e/ou coach e peça uma conversa sem compromisso para entender melhor sua metodologia e forma de trabalho. Lembre-se: ambos os serviços funcionam melhor quando há uma forte parceria entre cliente e prestador, portanto dedique tempo nesta escolha.


Por fim, vale comentar que atualmente presenciamos uma vasta oferta de mentoria e coaching para diversas áreas, inclusive vida pessoal. Este texto se destina a mentoring e coaching aplicados a objetivos de desenvolvimento de carreira, corporativos e empresariais.

12 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page